fbpx
como posso salvar o meu casamento?

Como posso salvar o meu casamento? Dicas aliviar as dores…

Olá, tudo bem? Como posso salvar o meu casamento?

Deixa eu tomar a liberdade para lhe perguntar…

Como andam os seus dias ultimamente?

Porque, honestamente eu escrevi esse artigo, depois que li as mensagens do whatsapp de uma amiga minha.

Ela me dizia exatamente sobre o tema deste artigo e me pediu concelhos me dizendo…

Amiga… Como posso salvar o meu casamento?

Foi então, que eu olhei para a situação dela, e então me lembrei que já havia passado por isso, logo no início do meu casamento.

Se você quer entender mais sobre essa situação, sente-se, tome um copo de água, que o assunto hoje é sério e exige atenção.

O contexto é o mesmo | Apenas aprenda a enxergar como seu casamento atual está!

Se ambas as condições forem as mesmas, todo casamento pode passar por crises, porque ninguém é perfeito.

Partindo destas condições, vamos recordar lá atrás como foi o meu tempo de namoro

Comigo foi tudo muito rápido, eu o conheci pelas redes sociais, mas só o vi pessoalmente quando nos encontramos em uma festa.

Eu e minhas amigas estávamos ansiosas para saber mais sobre ele.

Bom, nosso namoro durou 3 anos até o casamento.

Falando do namoro, a jogada inteligente é conhecer o seu homem.

Aproveitando para explorar a vida dele, conhecendo também seus familiares, amigos e sua rotina.

“Se vocês se amam pelas coisas em comum, é preciso também conhecer as incomuns”.

Namoro, é tempo para ter uma ideia de como seu parceiro será com você ao longo dos anos.

Comece um exame de reflexão sobre o namoro, porque ele pode indicar feridas que interferem no seu casamento a longo prazo.

Por exemplo:

Meu marido, apanhou muito na infância e em algumas situações, ele evita conversar comigo, não porque ele seja uma pessoa afastada e insegura.

Mas, em alguns momentos ele parece se recordar daquilo e agir como se ativasse um modo de defesa, mudando seu semblante repentinamente.

Se você não se deparou com isso, provavelmente outras situações adversas podem ocorrer.

Enfim, a maneira que ambos viveram na infância, adolescencia e vida adulta interfere na vida a dois, principalmente a longo prazo.

Então, o que fazer?

É preciso jogar as cartas na mesa, indicando situações difíceis de se lidar…

Se apanhou na infância, tem alguns traumas, estupro, falta de amor dos pais, ou alguma ferida mal curada, jogue limpo com seu marido.

Contar a ele, suas situações, ajuda a manter a confiança, e fará ele contar também as dele.

Se antes de você, ele namorou outra pessoa, tente apenas saber as situações principais…

Partindo que as feridas do namoro e infância foram curadas, o momento agora é explorar aquilo que vem acontecendo atualmente.

Se o caso está crítico, perto da separação a regra agora é manter a paciência, determinação e autocontrole. Pulsos firmes agora…

Geralmente, o caso é devido ao acúmulo de pequenas feridas e situações que deixaram infelizes no ato da situação, mas que tudo passou, porém ainda ficou alojado no coração.

Uma mágoa que no primeiro momento foi ignorada e em uma segunda situação estava acumulada as outras que viraram uma bola de neve.

#A primeira regra de ouro é o perdão

Mentira, feridas infidelidade, isso precisa ser resolvido!

Seja direta! Você quer continuar carregando qualquer que seja as suas feridas, ou quer resolver isso agora mesmo?

Se escolher desistir, provavelmente, porque existe uma construção conjugal e emocional, se escolher desistir dele, irá se lembrar disso sempre!

Garanta que tudo pode ser mudado, perdoado e seja uma página virada.

Que chance você dará para o seu marido?

Você conseguiu ajudá-lo a superar suas feridas?

Curar as feridas não pode ser fácil | Mas ajudará a salvar seu casamento!

Se a rotina é chatas, monótona e imatura, permita-se mudar desta vez!

Nenhum casamento é um fracasso, é uma obra divina, merecedora de esforço, entusiasmo e alegria.

#Regra de ouro | O poder da comunicação!

Quebrar o gelo pode ser desafiador, para quem quer que seja.

Você pode fazer isso, usando o bom humor e depois atacando as feridas uma por ver.

A qualidade da comunicação, não precisa ser formal e direta…

Você pode usar um momento mais calma ou bem informal para conversar…

Não é que chamá-lo no quarto para conversar seja uma opção ruim, mas ele chega a ser muito direta.

E pode indicar que você está de saco cheio do casamento.

Use o momento que estiverem prestes a dormir para dialogar, tranquilamente e sem pressão.

Demonstre que o ama trabalhando os sentimentos…

Nem tudo precisa ser concordado!

Se é ele quem toma as decisões, indique apenas a sua opinião, indicando que as divergências não precisam ser algo tão estúpido.

Na minha opinião, bom humor é uma boa razão para driblar situações adiversas.

Meu casamento pode ser salvo?

qual o seu objetivo como esposa

Isso, somente Deus pode dar a sentença final…

Trabalhe todos os dias seu diálogo com Deus e suas orações pelo seu marido…

Seja dia e noite, um novo recomeço para corrigir, orar e virar a página.

Fato é que você não chegará a lugar algum se não mudar a sua mentalidade.

A oração ajuda na concentração e no auto controle da mente.

Implemente na sua rotina um exame de consciência, para dormir tranquila e satisfeita por saber que Deus perdoa a qualquer momento.

Tente fazer isso, porque não pedir perdão também?

Seu coração está pronto para isso?

Se sim, então você seguiu os concelhos anteriores.

Se não, considere gastar o seu tempo em curar seu coração…

Antes de acabar este artigo, gostaria de dizer, que diversas vezes me perdoei e perdoei meu marido por diversas situações.

Inclusive, mesmo após tê-lo perdoado, me deparei com a mesma situação me afrontando novamente.

E descobri que pelo fato de sermos seres humanos, isso acontece comigo, acontece com você e com qualquer outra pessoa.

Cabe a você tomar suas própria DECISÕES

Se não tomar, alguém irá indicar o que fazer ou até mesmo tomar as decisões por você.

Para salvar o seu casamento, tome a decisão agora e pense nas vitórias que tiveram juntos…

Se for muito grave, peça ajuda aos familiares…

Como posso salvar o meu casamento? Conclusão

Considere as dicas a seguir:

  • Peça perdão e perdoe
  • Seja resiliente
  • Ore muito
  • Tenha paciência
  • Respeite o momento dele
  • Tome as decisões

Bom, depois dessa convera pelo celular que tive com a minha amiga, ela me disse o quanto o coração dela estava aliviado, apenas por ouvir isso.

Podemos salvar nosso casamento?

Claro, aliás, pode ser que ele nem esteja tão aflito e entendeu que essa fase já passou.

A fase agora é outra, reconciliação, amor e esperança.

Se ajuda a vezes vem a cavalo, dessa vez ela veio pela internet.

CONSIDERE este artigo que escrevi para você se estiver em apuros ou então quiser curar as feridas do seu casamento.

Dessa forma, antes de finalizar, leia o Ebook que indico para situações adversas a cada momento do casamento.

Ele irá ajudar a fortalecer seus laços conjugais e curar todas as feridas do casal.

Conheça o Ebook, clicando aqui!

Até mais…


1 comentário

  1. Olá, Acreditamos que o casamento é um projeto de Deus!
    Por isso, mude sua situação antes que seja tarde demais.
    Acesse esse link e aproveite:

    Acredite você pode ter um casamento Feliz!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: