fbpx

Como reconciliar o Casamento? Como trazê-lo de volta?

Assunto de hoje: Como reconciliar o casamento?

“O orgulho dá poder às pessoas, porém não toma decisões, não desista!”

Se você sente que não está mais vivendo como deveria…

E tudo está diferente no ambiente de casa, porém ainda insistem em tentar viver como se nada estivesse acontecido.

Ainda assim, o que mais toma atenção no momento é o pensamento do divórcio como única alternativa.

Eu sei…

O coração precisa dizer apenas uma coisa neste momento…

Traga meu marido de volta.

Tudo o que você faz, seja nos negócios, suas atividades favoritas aparenta como se não fizesse sentido sem ele do seu lado.

E pior, funciona como se estivesse se afogando em um vazio sem fim…

Eu sei bem o que é isso.

O nosso assunto de hoje fala muito sobre como reconciliar o casamento…

O tema é assunto de discussão por renomados psicólogos e especialistas em casamento, por causa de vários problemas.

Seja quando um dos dois queiram superar alguns de seus complexos, ou a perda de um ente querido.

Ou então, por alguma ferida mal curada, traição, etc…

Como mudar isso?

Mudando o mundo em sua volta…

Aceitando que todos podem cometer erros, pois isso é normal…

Que tal você tentar entender seus erros? Vamos lá!

Como reconciliar o casamento: Por que isso aconteceu?

Por que isso aconteceu?

Não se deprima, pelo ocorrido…

Apenas analise qual é o problema a se enfrentar…

Em vez de ficar deprimida, tente pensar em:

O que devo fazer para corrigir essa situação, evitando que o pior aconteça, (a separação).

Claro que o problema pode ser que esteja do lado oposto.

Então, se ele quiser que você participe mais da sua vida, ajude-o a mudar, (tente).

Porém, algumas pessoas não querem mudar e acha que o errado é só do outro lado.

Neste caso, você deve evitar que as coisas continuem a piorar de alguma forma, jamais ignore esta ferida, antes que seja tarde demais.

Eu preciso dizer que se você realmente acredita no amor e deseja recuperá-lo, algo pode ser feito para mudar pouco a pouco…

Descubra rapidamente qual é o problema e qual é o seu papel para ajudá-lo 9evite ser o inimigo, apenas julgando o outro).

Ao invés disso, diga:

Amor, vamos trabalhar juntos para corrigir nossos erros no relacionamento.

Principalmente quando o relacionamento é rompido por uma briga, é necessário agir para as desculpas sinceras, procurando formas da reconciliação.

Não é apenas dar um ponto final ao assunto e bola para frente…

Primeiro, é preciso fechar a ferida, utilizando como motivação as lembranças e sentimentos que cada um tem pelo outro.

Lembre-se que as os sentimentos em comum e as lembranças vividas é o que os une…

Isso é psicologicamente comprovado e irá diminuir a probabilidade dele partir.

3 fatores chave que mantém o casamento de pé

Religião

O respeito mútuo com o passar do tempo aumenta a qualidade do relacionamento juntos.

Então, tente proteger esses três fatores que seu casamento se tornará mais forte!

Isso se realment e o que imp orta para ambos é o tempo que estão juntos, os sentimentos e  família.

E manter o foco, acreditando um pelo outro, ou seja, se vendo cada dia mais…

Evitando a frieza, a chama sempre se manterá acesa.

Tente todos dias de manhã cumprimentá-lo com um beijo ou algo assim.

Lembre-se dos sentimentos e tais laços serão mais fáceis de mantê-los.

Quem deve dar o primeiro passo na reconciliação?

Esta pergunta que muitas mulheres fazem aqui no Blog…

Basicamente, os homens geralmente são os que dão o prieiro passo.

Mas sábio é quem deve dar o primeiro passo!

Geralmente, os dois devem se auto avaliar, vocês podem pedir desculpas um ao outro até em um primeiro momente sem sequer entender de fato o erro.

O importante é não ficar se culpando pelos erros (uma pecadora).

Se o erro existe, você precisa ir falar com ele até que o problema seja resolvido:

Resolva através da conversação e comunicação.

Tem algo que impede a paz no seu casamento?

Infelismente, ás vezes a pessoa vê que o problema não pode ser resolvido (algo incurável).

E se isso aumentar, ele julgará o relacionamento como algo irrelevante para sua vida e poderá nunca mais voltar.

Provavelmente, existe uma barreira que não deve ser ultrapassada.

Principalmente, quando o orgulho tamém prejudica a paz interior.

Nesse momento nos sentimos fortes, mas na verdade não estamos.

(Estamos infelizes com isso).

Se a barreira for ultrapassada, então nenhum esforço poderá ser feito a não ser orar e jejuar.

Em alguns casos, não há mais necessidade de continuar o relacionamento.

Isso porque é impossível forçar a pessoa a querer ficar se ela não quiser.

Infelismente há pessoas que se sentem confortáveis assim com a separação.

Elas gostam da solidão até certo ponto.

E então vem a pergunta…

Até que ponto você pode amá-lo tão distante no casamento?

Pode ser de até de um lugar, ou pela frieza…

Você está vivendo um amor platônico?

Casamento é compromisso e coisa séria!

Também existe o fato de que geralmente, as pessoas não gostam de se comprometer.

Eu chamo isso de jogo transacional.

Embora isso ocorra normalmente no início do namoro, insistir nesse comportamento após o casamento pode ser perigoso.

Algumas pessoas se cansam rapidamente do outro (não é todo mundo que é assim).

Tudo é questão de maturidade e da forma que a pessoa foi educada.

Em vez disso, tente atrair a atenção do seu homem para o seu casamento, e manter sempre o ar de desenvolvimento.

Embora ambos podem cometer falhas, é natural reconhecê-las e prestar atenção em cada detalhe, para evitar o divórcio.

 

 


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: